Imprima essa Página Mídia Mundo

quarta-feira, 8 de julho de 2020

Nas capas do mundo inteiro

 
O feitiço virou contra quem desdenhava dele. A contaminação por Covid-19 de Jair Bolsonaro é capa dos principais jornais impressos do mundo.

Diário de Notícias (Lisboa, Portugal), El Tiempo (Bogotá, Colômbia), Clarín (Buenos Aires, Argentina), El País (Madri, Espanha), The Wall Street Journal (Nova York, NY), Público (Lisboa, Portugal) e Financial Times (Londres, UK) publicam o presidente na primeira página.

Em tom de deboche, é verdade, mas nas capas.




terça-feira, 7 de julho de 2020

A edição 33.333


A Folha de S. Paulo (SP) publica hoje sua edição número 33.333.

Como isso não quer dizer absolutamente nada, a Folha brinca com o número e algarismos. No ano que vem haverá novo motivo para comemorar, agora pelos 100 anos.

Vida longa à Folha.

Capas criativas no Reino Unido


Capa de jornal é algo que leva a assinatura do Diretor. E muitas vezes o acionista não gosta.

Foi-se o tempo em que a primeira página deveria trazer aquilo que os conservadores consideram "a notícia". Hoje, o critério é do que interessa à vida do leitor, o que surpreende, o que faz pensar.

Os britânicos são muito criativos em capas. O tradicional The Times (Londres, UK) vem hoje com cães sorrindo no vento, The Guardian (Londres, UK) com garçonetes de face-shield, The Daily Telegraph (Londres, UK) com o presidente do Banco da Inglaterra em uma pose não usual, e The Herald (Glasgow, Escócia) com um casal bebendo cerveja.

Só o que não funciona é o obvio.




sexta-feira, 3 de julho de 2020

Visão local para o problema global


Há muitos anos alguém inventou o termo "Glocal". Seria a visão local sobre um tema global. Algo que interessa à pequena comunidade, mesmo tendo ocorrido a quilômetros de distância. Seria necessário contextualizar com valores "da aldeia".

Foi exatamente isso que o Estado de Minas (Belo Horizonte, MG) fez hoje. Comparou o número de mortos em decorrência da Covid-19 no Brasil com a lotação do maior estádio de futebol de Minas Gerais, o Mineirão.

Dessa forma o leitor entende o impacto da informação. Vai além do número: se transforma em imagem, em realidade próxima.

Acertou em cheio o EM.

domingo, 28 de junho de 2020

Mais um argentino deixa o formato standard


O diário Los Andes (Mendoza, Argentina) desde hoje circula em formato tabloide (esq). Depois de mais de 130 anos o jornal decide seguir a tendência das publicações da América Latina.

Mesmo na Argentina, o líder Clarín (Buenos Aires, Argentina) já adotou o tabloide há alguns anos, enquanto La Nación (Buenos Aires, Argentina) tem esse formato de segundas a sextas, mantendo o tradicional standard no fim de semana.

No Brasil, os "jornalões" ainda insistem em manter o formato tradicional, antigo, pouco ágil. Uma pena.

Campanha lançada


A Folha de S. Paulo lançou a Campanha em Defesa da Democracia. Em boa hora.

As campanhas institucionais precisam ter alguns princípios:
1. Apoio editorial pleno;
2. Boa chance de vitória;
3. Respaldo da população;

A Folha consegue os três pontos - talvez tenha risco em conseguir o segundo, mas é preciso confiar nas instituições.

Uma grande jogada da Folha, que buscar recuperar o espírito das Diretas Já - que levou o jornal paulistano à liderança no Brasil.

sexta-feira, 26 de junho de 2020

Folha, pela Democracia

Saiu o primeiro vídeo da Folha de S. Paulo (SP), pela defesa da Democracia. A campanha começa domingo. Uma empresa de comunicações precisa tomar posições.

Excelente iniciativa!